Cateterismo cardíaco é um procedimento minimamente invasivo em que utilizado para examinar o coração para detectar alguns tipos de problemas. A maioria das pessoas que faz o cateterismo cardíaco é submetida a uma angiografia coronária.

Trata-se de um exame para detectar a existência, localização e gravidade de obstruções nas artérias do coração.Algumas pessoas são submetidas ao cateterismo cardíaco para examinar a presença de problemas nas câmaras e valvas cardíacas (átrios e ventrículos). Para obter informações sobre estas estruturas cardíacas podem-se medir as pressões ou quantidade de oxigênio sanguíneo em diferentes partes do coração ou suas artérias.

Entenda melhor sobre o Cateterismo Cardíaco.

Cateterismo Cardíaco

O cateterismo cardíaco envolve a passagem de um tubo flexível fino (cateter) no lado direito ou esquerdo do coração.
O cateter é mais frequentemente inserido a partir da virilha ou do braço.

Também conhecido como: Cinecoronariografia, Coronariografia, Angiografia coronária ou Estudo Hemodinâmico.

Como o teste é realizado

Você receberá remédios antes do exame para ajudá-lo a relaxar.

O médico irá realizar uma punção no seu braço e inserir uma linha em uma das suas veias. Isso é chamado de linha intravenosa (IV), serve para hidratação e para infusão de medicações e anestesia.

Após isto será preparado a região da virilha ou do braço para a realização do cateterismo. Um tubo de plástico fino chamado cateter é colocado em uma veia ou artéria em sua perna ou braço. Em seguida, os cateteres são cuidadosamente movidos para o coração usando raio-x ao vivo como um guia. Então pode ser realizado:

  • Coletas de amostras de sangue do coração
  • Medidas da pressão e o fluxo de sangue nas câmaras do coração e nas grandes artérias que nutrem o coração chamadas coronárias.
  • Medir o oxigênio em diferentes partes do seu coração
  • Injeção de contraste que ajuda visualizar as estruturas cardíacas e vasos dentro do coração.

Se você tem uma obstrução coronária, você pode ser submetido a angioplastia com implante durante o procedimento.

O teste pode durar de 30 a 60 minutos. Se você também precisar de procedimentos especiais, o procedimento pode levar mais tempo. Se o cateter for colocado em sua virilha, você terá que ficar deitado em repouso por algumas horas após para evitar o sangramento no local da punção.

Será passado de forma escrita como cuidar de si mesmo quando você for para casa depois que o procedimento for realizado.

Seu médico pode realizar cateterismo cardíaco para diagnosticar ou avaliar:

  • Causas de insuficiência cardíaca congestiva ou cardiomiopatia
  • Doença coronariana
  • Os defeitos cardíacos que estão presentes no nascimento (congênito)
  • Pressão arterial elevada nos pulmões (hipertensão pulmonar)
  • Problemas com as válvulas cardíacas

Os procedimentos terapêuticos a seguir também podem ser feitos usando cateterismo cardíaco:

  • Reparar certos tipos de defeitos cardíacos
  • Abrir uma válvula cardíaca estreitada (estenótica)
  • Abrir artérias bloqueadas ou enxertos no coração (angioplastia com ou sem colocação de stent)

Riscos

O cateterismo cardíaco acarreta um risco ligeiramente superior ao de outros testes cardíacos.

No entanto, é muito seguro quando feito por uma equipe experiente.

Os riscos incluem:

  • Tamponamento cardíaco
  • Ataque cardíaco
  • Lesão de uma artéria coronária
  • Arritmia cardíaca
  • Pressão sanguínea baixa
  • Reação ao corante de contraste
  • Acidente vascular encefálico
As complicações possíveis de qualquer tipo de cateterismo incluem o seguinte:
  • Sangramento, infecção e dor no local de inserção IV ou bainha
  • Danos nos vasos sanguíneos
  • Coágulos de sangue
  • Danos renais devido ao corante de contraste (mais comum em pessoas com diabetes ou problemas renais)
Referência:

Davidson CJ, Bonow RO. Cardiac catheterization. In: Bonow RO, Mann DL, Zipes DP, Libby P, Braunwald E, eds. Braunwald's Heart Disease: A Textbook of Cardiovascular Medicine. 10th ed. Philadelphia, PA: Elsevier Saunders; 2015:chap 19.

Kern M. Catheterization and angiography. In: Goldman L, Schafer AI, eds. Goldman's Cecil Medicine. 25th ed. Philadelphia, PA: Elsevier Saunders; 2016:chap 57.