O que é angioplastia coronariana?

Com a angioplastia coronariana, um balão fino e expansível é inserido na artéria entupida e é insuflado. Isso abre a artéria, empurrando a placa contra a parede da artéria e liberado o stent, então o balão é removido e o sangue flui mais facilmente pela artéria.

As artérias do coração podem, com o passar do tempo e dependendo dos fatores de risco, ficarem  obstruídas ou estreitadas devido ao acúmulo de colesterol, células ou outras substâncias. Este acúmulo que causa a obstrução chamamos de placa. Dependendo do grau de obstrução poderá haver uma redução do fluxo sanguíneo para o coração e causar desconforto no peito.

Em algumas situações independente do grau de obstrução um coágulo sanguíneo pode subitamente se formar ou piorar e bloquear completamente o fluxo sanguíneo, levando a um infarto do coração.

A angioplastia abre a artéria bloqueada e restaura o fluxo sanguíneo normal para o músculo cardíaco. É um procedimento minimamente invasivo e é realizado introduzindo um cateter (tubo fino) através de uma pequena punção na artéria da perna ou do braço. A artéria bloqueada é aberta inflando um balão no local da obstrução e em seguida se implanta um stent, uma estrutura metálica com hastes finas que dará suporte para o vaso mantendo-o aberto.

Por que alguém preciso disso?

As pessoas com obstrução nas artérias do coração podem precisar de angioplastia se tiverem muito desconforto no peito ou se exames não invasivos mostrarem a presença de isquemia, ou os bloqueios os colocarem em risco de sofrer um ataque cardíaco ou morte súbita.

Como isso é feito?

  • Após ser colocado na mesa de exame, um médico anestesista ira fazer uma medicação para mante-lo relaxado, enquanto o cardiologista intervencionista anestesia o local onde será realizada a punção, na virilha ou antebraço. Após a anestesia se realiza a punção e insere-se um pequeno tubo chamado introdutor com válvula, que permite a entrada do cateter e não deixa sair o sangue.
  • Através do introdutor insere-se o cateter é este é direcionado até artéria do coração, isso é possível observando em uma tela de raio X especial.
  • O cardiologista intervencionista direciona desta forma o cateter até a artéria do coração. Em seguida, um fio muito fino é passado através do cateter e através do bloqueio da artéria.

Sobre esse fio, um cateter com um balão fino e expansível é posicionado ao nível da obstrução, ou seja, da placa.

  • O balão estão é inflado, desta forma ele empurra a placa para o lado e deixando a artéria aberta, para que o sangue possa fluir mais facilmente. Isso pode ser feito mais de uma vez.
  • Em seguida um tubo formado por uma pequena tela  chamado stent, que vem montado em um balão especial é levado até o local da obstrução.
  • À medida que o balão é insuflado, ele abre o stent contra as paredes da artéria. O stent se encaixa nessa posição e mantém a artéria aberta.
  • Evite exercícios pesados ​​ou atividade física vigorosa por 1-2 dias após o procedimento.

Aprenda sobre os fatores de risco que você precisa mudar para manter seu coração saudável.O balão e os cateteres são retirados. Agora a artéria foi aberta e o coração terá o sangue necessário.

 

A angioplastia dói?

Não é a regra, a angioplastia causa algum desconforto na hora da anestesia e da punção. Pode sentir alguma pressão quando o introdutor é colocado.

Durante o procedimento  o paciente fica acordado e alerta, mas poderá receber remédios para ajudá-lo a relaxar.

O local onde o cateter foi colocado pode ficar dolorido depois. Um pequeno hematoma também é comum. Em casos que se observa algum sangramento ou aumento da dor ou inchaço, o médico deve ser informado imediatamente.

E depois do procedimento ?

  • Quando o introdutor é removido da perna ou do braço, uma enfermeira ou médico geralmente aplica pressão direta por 15 minutos ou mais ao local onde o cateter foi inserido para garantir que não haja sangramento interno.
  • Se a angioplastia for feita através da perna, durante várias horas deve se ficar deitado de costas e os médicos e enfermeiras verificarão se há sinais de sangramento ou desconforto no peito. Se o procedimento for feito através do braço, não precisará permanecer na cama.
  • Quase sempre terá que ficar no hospital por uma noite para descansar. Às vezes, uma estadia mais longa é necessária.
  • Há um pequeno risco de que um coágulo de sangue se forme dentro do stent, bloqueando o fluxo sanguíneo na artéria. Seu médico prescreverá aspirina ou outro medicamento para ajudar a evitar isso.Consulte um médico de sua confiança.